1 de dez de 2011

MORRO DA CONCEIÇÃO

Programação da Festa do Morro da Conceição
.
As comemorações em homenagem à Virgem da Conceição do Morro, em Casa Amarela - Recife, iniciam-se na semana que antecede o dia 8 de dezembro, no pátio da Igreja, com a realização de novenas, reza de terços e a tradicional peregrinação pelos devotos e pagadores de promessas, no que se constitui a maior romaria de toda a região: 700 mil pessoas são esperadas neste 107º ano da festa! Junto às homenagens que a Igreja Católica faz a Nossa Senhora, existem também as visitas das religiões afro-brasileiras, que a veneram como sendo Iemanjá, rainha das águas.
.
O Morro foi povoado por gente humilde e desabrigada das regiões ribeirinhas da cidade do Recife. A Festa no Morro teve origem a partir da comemoração do cinqüentenário do dogma da Imaculada Conceição, em 1904. Nessa época, o bispo católico diocesano mandou construir ali uma capela em estilo gótico (hoje modernizada) e nela colocou a imagem da Virgem da Conceição: Maria vestida de branco, envolvida em um manto azul, de pé sobre o globo terrestre, com as mãos unidas em oração e os olhos voltados para o céu, esmagando com os pés uma serpente, símbolo do pecado original.
.
Já a iconografia de Iemanjá, que se mistura às réplicas da santa do Morro nos tabuleiros dos vendedores de imagens, lembra a orixá (personificação das forças da natureza, ligada às águas) que veio da cultura nagô-iorubá, da África, para o Xangô do Recife. Recebeu uma mão de tinta branca e um vestido azul para se parecer com a santa católica e sobreviver à perseguição contra os negros e as suas crenças. A despeito disso, Iemanjá transmite o Axé mostrando-se como mulher de formas exuberantes e sensuais.
Por que será?!
.

.
Veja mais no blog:
Escute aqui uma pérola
descoberta pela nossa mestranda Lucy Neta:
 Dom Helder fala sobre Nossa Senhora e Iemanjá no Programa Um Olhar sobre a Cidade de 08/12/1976.
Acesse aqui Caderno Especial
 sobre o festival religioso do Morro 2011.

4 comentários:

  1. Gil,
    lá vai tu com essa ideia de galão de tinta!! Já te expliquei: todas duas são mães, nossa senhora no modelo mãe - aos 35, toda recatada, já Iemanjá é o modelo mãe- na casa dos vinte, aquela que esteticamente é impecável e ninguém diz que teve filhos, no entanto o sentimento materno é transmitido da mesma forma.

    ResponderExcluir
  2. OXE?! É COMPARAR JESUS COM GENÉSIO!!! UMA SANTA DE UMA RELIGIÃO REVELADA NÃO TEM NADA A VER COM COM UMA DIVINDADE INVENTADA POR UMA SEITA NEGRA! ESSA MISTURA DA FESTA PRECISA SER DEPURADA E SANADA PELA HIERARQUIA DA IGREJA, POIS RESULTA DA IGNORÂNCIA DOS ESCRAVOS E DOS PAGÃOS!

    ResponderExcluir
  3. Vige, a pessoa que escreveu antes precisa tomar um banho de "sal grosso" (ou então vir estudar aqui no Mestrado, kkk), pra ver se abre um pouco a cabeça e o corpo: as religiões - e suas santas - têm cores e sons diferentes, mas pra sonhos iguais... Se o povo misturou a tal ponto Nossa Senhora e Iemanjá na Festa do Morro, tem uma sabedoria popular aí, que as duas trazem em comum uma nostalgia maternal... Mas se a iconografia permanece diferente, é porque são valores culturais diversos sobre a sexualidade e o feminino, que elas encarnam, né? Mas semelhanças e diferenças têm razões de ser e tentar mudar a festa pela força ou por decreto é besteira!
    Maria José.

    ResponderExcluir
  4. Senhora da conceição
    minha mãe, minha rainha
    dai-me a vossa proteção
    minha querida madrinha

    Vela acesa subo o morro
    pra pagar minha promessa
    vou vestir azul e branco
    pra pagar eu tenho pressa

    As Casas Zé Araújo
    fazem esta louvação
    com o povo rende graças
    à Virgem da conceição...

    http://youtu.be/25ANoX1PL5g

    Todo pernambucano se lembra dessa propaganda de antigamente da TV... Era um comercial, mas ficou marcado na alma da gente... O que mostra que as fronteiras entre o comércio econômico e o dom sagrado são intercambiáveis! Viva esse curso da Unicap, que traz espaços de formação permanente pra quem se interessa pelas religiões no Recife, com a cabeça aberta e o coração sensível!!!
    Vinus, um devoto.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua participação!