22 de out de 2010

GOD IS ON THE MOVE!

LAUSANNE III
CIDADE DO CABO (ÁFRICA DO SUL) 2010
CONGRESSO INTERNACIONAL SOBRE EVANGELIZAÇÃO MUNDIAL

Veja aqui álbum de fotos.

O primeiro Congresso Internacional sobre Evangelização Mundial (Lausanne I) aconteceu em 1974, em Lausanne, Suíça. A reunião foi convocada sob a liderança do Rev. Billy Graham e atraiu mais de 2.700 líderes cristãos evangélicos de 150 países. O foco da reunião era prático e teológico, produzindo o Pacto de Lausanne, um documento que oferece um fundamento para uma evangelização mundial colaborativa. O Pacto inclui quinze artigos que lidam com assuntos importantes como a autoridade das Escrituras, a natureza do evangelismo, responsabilidade social cristã, a urgência da evangelização mundial, fé e cultura, e a natureza do conflito espiritual. O Pacto ofereceu um plano para a unidade, e serve como declaração de fé para centenas de organizações ao redor do mundo.

Em 1989, 3.600 líderes de 190 nações participaram de Lausanne II em Manila, Filipinas. O resultante Manifesto de Manila reafirmou e expandiu o Pacto de Lausanne e o chamado para "Proclamar a Cristo até que Ele venha". Agora, de 16 a 25 de outubro de 2010, na Cidade do Cabo, África do Sul, "Lausanne III" está juntando líderes de missões e igrejas cristãs do mundo todo para tratar dos desafios e oportunidades que estão diante da Igreja com respeito à evangelização mundial: cresce a pluralidade e a descrença religiosa, o mundo encolhe através de novas tecnologias, a população evangélica mudou-se para o Hemisfério Sul do planeta (veja abaixo, em inglês, vídeo sobre a história do movimento cristão).


Estão presentes no Cabo mais de 5.000 líderes protestantes vindos de 200 nações do mundo. A delegação Latino America é composta por 363 pessoas e, destas, 90 são brasileira(o)s. Entre eles, o estudante do nosso Mestrado em Ciências da Religião da UNICAP, Maruilson Souza. É ele quem conta animado que, sob o tema geral “Deus em Cristo reconciliou o mundo” e o sub-tema “Deus está no movimento”, várias plenárias e conferências têm acontecido diariamente. O dia 20, então, foi muito interessante: três das comunicações mais concorridas estavam relacionadas com a educação superior e com a nova forma de pensar e ensinar. As mesmas foram proferidas por representantes do Instituto Internacional para Estudos Cristãos, da Associação Internacional para a Promoção Cristã da Educação Superior e do Conselho Internacional para Educação Superior. Esta última proferida pelo Dr. Ken Gnanakan, seu presidente.

Dr. Gnanakan é indiano, cristão, bem conhecido no meio educacional internacional, e chamou a atenção dos presentes ao afirmar que o ensino predominante no ocidente é fragmentado, departamentalizado e desintegrado. Com exemplos diversos ele procurou mostrar que a vida no seu cotidiano é integrada e que as pessoas usam desde a matemática, até a geometria, a física, a psicologia, a filosofia, a economia e a teologia em um único dia. Entretanto, quando vão à escola recebem um ensinamento sem conexão com a vida. Provocando os presentes, ele afirmou não haver uma geografia cristã e outra muçulmana; uma economia cristã e outra budista. Para ele, é preciso aprender uma nova forma de pensar. Após a palestra, Maruilson conversou com o Dr. Gnanakan, compartilhando as pesquisas do grupo de estudos sobre Transdisciplinaridade e Diálogo na UNICAP, o que despertou vivo interesse do educador.

Veja o que disse o Dr. Ken: "O futuro passa pelo envolvimento, entre ciências e entre religiões. A crise global do meio ambiente é uma dura realidade que nos obriga a tomar uma atitude em comum. Somos ameaçados por mudanças climáticas, depredação da terra e de recursos marinhos, redução das reservas hídricas, crise energética, extinção de biodiversidade e destruição de ecossistemas... A crescente pobreza resultou em evidente desigualdade no mundo, colocando a humanidade sob risco. Devemos fazer da nossa igreja, escola bíblica, seminário, universidade ou qualquer outra instituição um veículo de ensino sobre o meio ambiente e compromisso com a vida global. Estudos especiais podem ser introduzidos em todos os níveis. Na tarefa de evangelização, devemos deixar a mensagem de Jesus sobre como Deus se importa que Sua criação fale para todos do amor d’Ele pelo mundo".

Saiba mais aqui, no site do Movimento de Lausanne.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!