11 de jan de 2013

LAVAGEM DAS ESCADARIAS

Imagem e matéria Prefeitura de Olinda.
Neste domingo (13), a partir das 16h, acontece um dos eventos mais tradicionais do sincretismo religioso em Olinda. É a lavagem das escadarias da Igreja do Nosso Senhor do Bonfim, no Sítio Histórico da Cidade. Este ano, a festa completa 30 anos e, para comemorar, dois andores serão carregados durante o cortejo que tem início no Alto da Sé e segue até o Culto Afro Nossa Senhora do Carmo, em Jardim Brasil.

Todos os anos, a lavagem das escadarias da Igreja do Nosso Senhor do Bonfim reúne centenas de pessoas nas ruas do Sítio Histórico de Olinda. São pais e filhos de santo, baianas e populares que chegam para conferir a festa, uma representação do sincretismo religioso entre o candomblé e o catolicismo.

Para comemorar os 30 anos de lavagem das escadarias, o evento acontece num espaço maior: o Alto da Sé. Mais de 50 baianas com jarros contendo água de cheiro e flores farão a lavagem do adro da Igreja da Sé, numa representação das escadarias da Igreja de Nosso Senhor do Bonfim (que está em obras e tem pouco espaço). A partir daí, filhos de santo carregam os andores por ruas do Sítio Histórico, acompanhados por 60 músicos do Afoxé Povo de Odé.

Saindo do Alto da Sé, o cortejo segue pela Ladeira da Misericórdia, Rua do Bonfim, Quatro Cantos, Amparo, Joaquim Nabuco, cruza a Avenida Pan Nordestina, chega a Jardim Brasil e continua em direção ao Culto Afro Nossa Senhora do Carmo. No terreiro, o babalorixá Tata Raminho de Oxossi e Jorge de Bessen, o pai pequeno da casa, iniciam uma série de orações pedindo proteção e bênçãos para esse novo ano - principalmente chuva para o Sertão em seca.
 
Mais no blog:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!