6 de abr de 2012

AS RELIGIÕES NA (E DESDE A) FRANÇA

As dicas são de Jacques Trudel, nosso Grão-Mestre jesuíta na UNICAP, e também do nosso Mestrando Silvério Pessoa. Eles nos apresentaram a Revista Eletrônica Enseignement et Religions e a Revista Le Monde des Religions, que demonstram (para os que têm acesso à língua francesa) duas versões de tematização do fato religioso na França - a pátria da laicidade republicana, mas onde a espiritualidade e as religiões despertam renovado interesse.

...
EDUCAÇÃO CATÓLICA E RELIGIÕES

Revista Eletrônica do Fenômeno Religioso na Educação Católica: http://www.enseignement-et-religions.org/. Este site transformou-se em referência para as questões de educação do fenômeno religioso na França. Paralelamente aos cursos catequéticos, que também existem nas escolas religiosas, a Educação Católica decidiu implementar e subsidiar o ensino transversal do fenômeno religioso humano, como também se faz nas outras escolas. O site, que é resultado disso, é visitado por cerca de dez mil pessoas por mês e traz seções atualizadas sobre temáticas transversais de ensino religioso para as diversas disciplinas e níveis escolares do sistema francês, dossiês sobre antigas e grandes religiões e aspectos das novas tradições espirituais, resenhas e livros eletrônicos, calendários de festas das religiões, observatório de manuais escolares, ferramentas e informações para formação de professores.

Essa revista eletrônica, pois, resulta da decisão da Educação Católica francesa de colaborar, desde 2002, como parte do Serviço Público de educação da República, para uma integração da reflexão sobre o fenômeno religioso no conjunto do ensino laico que marca a cultura da França. "... L'Enseignement Catholique ne peut considérer l'enseignement du fait religieux comme facultatif : tout élève, quelle que soit sa religion ou sa non-croyance, quelles que soient les motivations de ses parents dans le choix de l'établissement, a le droit de découvrir la dimension religieuse de la culture. Tout enseignant est alors concerné, pas seulement parce qu'il est dans l'Enseignement Catholique mais parce qu'il est enseignant. Il est clair que notre priorité est d'arriver à sensibiliser tous les enseignants à la dimension spirituelle, symbolique et religieuse de leur enseignement… L'Enseignement catholique doit tout concilier et tout tenir: une connaissance des religions qui s'adresse à tous puisqu'elle est de l'ordre des contenus d'enseignement et une proposition catéchétique, rencontre de Jésus-Christ et de l'Evangile éclairé par l'enseignement de l'Eglise, qui est de l'ordre du caractère propre de l'enseignement catholique… ".
...
...
O FATO RELIGIOSO NO JORNAL LE MONDE

Le Monde des Religions é uma revista bimestral fundada em 2003 por ocasião da fusão do Groupe La Vie - Le Monde. Pertence ao grupo do jornal cotidiano Le Monde e é dirigido desde 2004 por Frédéric Lenoir. O site http://www.lemondedesreligions.fr/ disponibiliza mídia complementar e compartilha o conteúdo das revistas em papel. Trata-se de publicação que propõe uma aproximação laica e uma interpretação crítica do fato religioso, apresentando uma descrição distanciada da religião e da espiritualidade, através de dossiês temáticos, grandes pesquisas, análises e reportagens, debates sobre assuntos contraditórios, subsídios e audiovisuais, entrevistas com os melhores especialistas.

Nas entrelinhas dos conteúdos, percebe-se que o povo francês continua exercitando as suas conexões com o sagrado e alimentando o interesse pelo divino, malgrado o "espírito" laicista da sua cultura. Vejam os temas das últimas edições da revista Le Monde des Religions: o amor no coração do budismo e do cristianismo, cérebro e espiritualidade, os profetas do fim do mundo, a França está se tornando atéia?, as sabedorias chinesas, os templários para além do mito, os papas, a franco-maçonaria - história e espiritualidade. Alguns artigos estão disponíveis integralmente em cada número e outros apenas pra quem faz a assinatura da revista.

Mais no blog:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!