11 de jul de 2011

BOFF NA SOTER


Religião para a Educação e Cidadania é o tema central do 24º Congresso Internacional da Sociedade de Teologia e Ciências da Religião (Soter), que começa hoje, 11, e vai até o dia 14 de julho, no campus Coração Eucarístico da PUC-Minas. Amanhã, às 20h, haverá uma sessão com o tema "Quarenta anos da Teologia da Libertação: fazendo memória e olhando para o futuro", com o teólogo Leonardo Boff, autor de mais de 60 livros nas áreas de Teologia, Ecologia e Espiritualidade. Há um clima de avaliação prospectiva no ar: como as teologias podem ajudar suas religiões a educar para a cidadania, superando o abuso de poder nas Igrejas e na Sociedade?! Além de Boff, o Congresso receberá outros grandes conferencistas: Maria Pilar de Aquino, da University of San Diego - Department of Theology, Estados Unidos; Steven Joseph Engler, da Mount Royal University, Calgary Alberta, Canadá; Regina Novaes, da Universidade Federal do Rio de Janeiro; e Luis Barco, da Universidade de São Paulo - USP. O evento também prestará homenagem a grandes teólogos, sócios da SOTER, recentemente falecidos: José Comblin, Bernardino Leers e Félix Pastor (jesuíta que abriu caminhos para uma boa geração de teólogos e morreu ontem no Rio).

A dinâmica do Congresso, todavia, é muito centrada em discussões que giram em torno de 15 Grupos de Trabalho concomitantes, além de duas sessões de Mesas Redondas simultâneas. Com isso, amplia-se a participação de todos no tema deste ano, que pretende mostrar a relação entre Religião, Educação e Cidadania, através de uma abordagem multidisciplinar. Em verdade, essa temática retoma em nova conjuntura o debate sobre o lugar da religião na formação cidadã. Sua atualidade é dada pelas discussões sobre a legitimidade do Ensino Religioso num Estado laico, enquanto o problema de fundo - o papel desempenhado pela religião e pela educação na formação da cidadania - traz implicações teóricas que interessam não somente à Teologia e às Ciências da Religião, mas também à Filosofia, às Ciências Políticas e Sociais, à Pedagogia e às pessoas que se empenham por uma sociedade amplamente democrática, na qual toda a população seja coparticipante das decisões públicas. O livro que já está publicado pelas Paulinas, Religião e educação para a cidadania, reúne as principais conferências do Congresso e o conjunto das comunicações dos GTs sairá como livro digital gratuito, que será disponibilizado aqui.

Vários pesquisadores e estudantes nordestinos estão presentes, inclusive da UFPE E UFRPE. O nosso Mestrado em Ciências da Religião da UNICAP está participando através dos seus egressos Manoel Henrique, Maria Jeane e Lucas Leite. O prof. Gilbraz Aragão, coordenador do Mestrado, junto com o prof. Roberlei Panasiewicz, da PUC-Minas, estão coordenando o GT sobre Pluralidade religiosa, intolerância e diálogo. Esse GT, que vem se encontrando sistematicamente nos Congressos da área, analisa o contexto culturalmente plural em que nos encontramos e que desafia as tradições religiosas, provocando movimentos intolerantes, mas também uma grande oportunidade para o diálogo. Sem renegar ou desconhecer o que há de único e irrevogável em cada religião, trata-se de perceber, no convívio com a diversidade, o que é essencial em cada tradição e, portanto, de manifestar um dinamismo espiritual que está entre e para além das religiões. Incluem-se nessas espiritualidades inclusive aquelas expressões laicas e sem divindades. O diálogo "inter-religioso" que elas todas proporcionam faz repensar o compromisso ético e pedagógico das religiões com a paz mundial... É isso: além da boa cachaça mineira e do pão de queijo que derrete qualquer intriga, o Congresso da Soter proporciona a partilha e o debate da pesquisa do nosso Observatório das Religiões no Recife!

Clique aqui e acesse a programação completa do 24º Congresso Internacional da Sociedade de Teologia e Ciências da Religião (Soter).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!