21 de abr de 2011

EDITORES NA NUVEM

Ficheiro:Internet map 1024.jpg
Visualização gráfica de várias rotas em uma porção da Internet
mostrando a escalabilidade da rede: a "nuvem" (wikimedia)
Você já sabe que a tendência no mundo das comunicações informatizadas é colocar na "nuvem" os arquivos e programas que antes ficavam instalados em nossos computadores. Com os serviços em "nuvem" nos servidores da web, os nossos equipamentos podem ser mais leves e mais baratos e os nossos textos e processadores, por exemplo, ficam disponíveis em qualquer computador com acesso à internet. É uma mão na roda pra quem trabalha com "letras... apagadas, e ciências... ocultas" que nem a gente.

Então, sobretudo se você costuma elaborar textos, mas também planilhas e apresentações de trabalhos, em parceria com outras pessoas, considere com urgência a adoção de um software on-line. Uma plataforma de edição na "nuvem" evita a criação de diversas versões de arquivos, que circulam como anexos de e-mail, e quem é autorizado pode trabalhar diretamente no documento, até ao mesmo tempo. Você pode até bater papo com os colegas do grupo de estudo ou de colaboração, enquanto trabalham sobre um documento, das suas casas mesmo.

Outra vantagem é que, com uma senha, você também pode abrir e editar os seus arquivos em qualquer computador ligado à internet. Até agora, o editor on-line disponível pra gente era o Google Docs (docs.google.com). Aí, com uma conta do Google você pode, por exemplo, colocar um documento e editá-lo simultaneamente com uma pessoa à sua escolha, além de convidar outras pra visualizar essa tarefa, pode acompanhar quem alterou o trabalho e voltar para qualquer versão.

Pode também publicar documentos on-line para o mundo todo como páginas web ou material no seu blog. Essa função é também disponibilizada pela nova opção de editor on-line que está disponível gratuitamente a partir desta semana para usuários do hotmail no Brasil: o 
Office Web Apps, versão na "nuvem" do Office, pacote de escritório da Microsoft.

Para usá-lo, basta clicar no link Office, na parte superior da interface do serviço de e-mail hotmail, ou acessar office.live.com e fazer login com uma conta do Windows Live. O Word, o Excel, o PowerPoint e o OneNote foram transportados para a web em versões simplificadas. Assim como no Google Docs, duas ou mais pessoas podem editar um arquivo ao mesmo tempo, e os documentos podem até ser vistos em smartphones.

É isso aí, pé no chão e cabeça no vento... ou na "nuvem"!

A propósito, baixe aqui o livro Inclusão Digital,
Experiências Brasileiras.

Um comentário:

Obrigado pela sua participação!