29 de nov de 2010

106ª FESTA DO MORRO DA CONCEIÇÃO

Programação da Festa do Morro da Conceição

As comemorações em homenagem à Virgem da Conceição do Morro, em Casa Amarela - Recife, iniciam-se na semana que antecede o dia 8 de dezembro, no pátio da Igreja, com a realização de novenas, reza de terços e a tradicional peregrinação pelos devotos e pagadores de promessas, no que se constitui a maior romaria de toda a região: 700 mil pessoas! Junto às homenagens que a Igreja Católica faz a Nossa Senhora, existem também as visitas das religiões afro-brasileiras, que a veneram como sendo Iemanjá, rainha das águas.

Morro foi povoado por gente humilde e desabrigada das regiões ribeirinhas da cidade do Recife. A Festa no Morro teve origem a partir da comemoração do cinqüentenário do dogma da Imaculada Conceição, em 1904. Nessa época, o bispo diocesano mandou construir ali uma capela em estilo gótico (hoje modernizada) e nela colocou a imagem da Virgem da Conceição: Maria vestida de branco, envolvida em um manto azul, de pé sobre o globo terrestre, com as mãos unidas em oração e os olhos voltados para o céu, esmagando com os pés uma serpente, símbolo do pecado original.

Já a iconografia de Iemanjá, que se mistura às réplicas da santa do Morro nos tabuleiros dos vendedores de imagens, lembra a orixá (personificação das forças da natureza, ligada às águas) que veio da cultura nagô-iorubá, da África, para o Xangô do Recife. Recebeu uma mão de tinta branca e um vestido azul para se parecer com a santa católica e sobreviver à perseguição contra os negros e as suas crenças. A despeito disso, Iemanjá transmite o Axé mostrando-se como mulher de formas exuberantes e sensuais.
Por que será?!


.
Saiba mais sobre a Festa da Conceição aqui em nosso blog.
Veja aqui a Programação da Festa do Morro 2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!