20 de out de 2013

CAMINHO DE SANTO AMARO 2014




O Caminho de Santo Amaro está preparando a sua oitava edição, que se realizará de 7 a 12 de janeiro de 2014, tendo como ponto de partida a Igreja de Santo Amaro em Jaboatão dos Guararapes (que data de 1610) e, de chegada, a Igreja de Santo Amaro, em Taquaritinga do Norte, Pernambuco (a paróquia é de 1801). Essa jornada, coordenada pelos amigos Nilton Curvêlo e Mário Gomes, é realizada por sentimento de devoção ao glorioso santo, padroeiro dessas duas cidades, mas também como experiência de companheirismo humano, de superação de si e busca de transcendência. O caminhante deve levar apenas uma mochila com alguma roupa, água, um cajado, uma bandeirola branca e muita fé para enfrentar 170 quilômetros, em seis dias de caminhada. Todo caminhante deve respeitar os seus limites, mas com determinação e principalmente disciplina. Disciplina no andar, disciplina na água e disciplina no horário.

Diariamente, à noite, será feita uma reflexão inter-religiosa com os participantes e convidados. No final da caminhada o peregrino participará também de alguns rituais. Na chácara Terra do Nunca, em Surubim, vencida a maior parte das dificuldades do caminho, deixará queimar uma peça de roupa, simbolizando o despojamento dos antigos hábitos e sua abertura para a "luz". Já na Pedra da Santa, em Bom Jardim, o peregrino apanhará uma pedra que não pese muito e possa carregar em suas mãos, contar-lhe seus sofrimentos e suas alegrias, transformá-la em um símbolo. No meio da Serra da Taquara, quando estiver chegando ao destino, uma cruz de ferro, a Cruz do Peregrino de Santo Amaro, o espera: beijará a sua pedra e depositará aos pés do Senhor da Vida, junto com o seu sacrifício.

A Caminhada de Santo Amaro é considerada uma tarefa muito difícil, porque o deslocamento é feito sobretudo por rodovia, durante o verão, exposto ao calor intenso e ao sol muito forte. O caminhante é responsável pelo seu estado de saúde e deve se preparar para a aventura. A essência do Caminho está em desfrutar a simplicidade – isto é, caminhar com o essencial e o desapego das coisas materiais; viver a humildade – no caminhar solitário, ter que depender dos outros para ter um abrigo e se alimentar; exercitar a fraternidade – conviver com pessoas diferentes, como irmãos, e ver que essa é uma utopia possível; entrega-se à reflexão – o isolamento é uma excelente oportunidade para o auto-conhecimento. Aceitando-se, perdoando-se e amando-se para poder amar o próximo.

Os participantes deverão estar no ponto de partida, em frente à Igreja de Santo Amaro em Jaboatão dos Guararapes, no dia 7 de janeiro de 2014, às 6 horas da manhã, para receberem a Bênção do Caminhante. No entanto, poderão escolher outro dia e local para começar a caminhada, de acordo com as suas condições físicas. O importante é chegar a Taquaritinga na data programada, dia 12 de janeiro, às 15 horas, na Praça dos Eucaliptos. Nesse dia, devotos de Santo Amaro virão também de outros pontos do município, com o mesmo sentimento de fé e superação: todos se encontrarão à entrada da cidade e marcharão até a igreja para receber a “Santamarana”, o Certificado da Caminhada.

O caminho passará por onze municípios (oito cidades), dentro do seguinte roteiro: Jaboatão dos Guararapes, Moreno, São Lourenço da Mata, (Matriz da Luz e Tiúma), Paudalho (Povoado de Guadalajara, São Severino dos Ramos), Carpina, Lagoa do Carro, Limoeiro (Vila Mendes), Bom Jardim, Surubim (Povoado Lagoa da Vaca), Vertentes (Povoado Junco) e Taquaritinga do Norte. Foram planejados albergues para atender aos caminhantes no trajeto:
1º. Dia - Tiúma: Instalações do SESC Ler São Lourenço da Mata. Pernoite + Jantar + Café da manhã .
2º. Dia - Carpina: Juvenato Maria Auxiliadora, das Irmãs Salesianas. Pernoite + Jantar + Café da manhã.
3º. Dia - Limoeiro: Grande Hotel Limoeiro. Pernoite + café da manhã.
4º. Dia - Bom Jardim: Colégio Santana, das Irmãs Beneditinas OU Breno Hotel Pousada (Informe onde prefere ficar). Pernoite + Jantar + Café da manhã.
5º. Dia - Surubim: Hotel Cristal. Pernoite + Jantar (Sugestão para o Café: Posto Rocha a 10 km de Surubim).
6º. Dia - Taquaritinga: Restaurante Hotel Jorge Eduardo. Jantar de Confraternização.

As despesas com esses serviços importam em R$ 360,00 por participante. Caso o ponto de partida seja diferente de Jaboatão, informe no ato da inscrição para que seja recalculado o valor a ser depositado. O número de inscrições está limitado a 60 pessoas e a inscrição pode ser feita até 25 de novembro de 2013 pelo envio de dados pessoais para um dos e-mails abaixo, seguido pelo Comprovante de Depósito Bancário no valor indicado, na Conta Corrente de Nilton S. Curvelo (Banco do Brasil. Ag. 4890-9. Conta 401.143-0). Com a confirmação da inscrição o participante receberá o Guia da Caminhada de Santo Amaro, uma camisa de mangas compridas, o cajado e a bandeirola para a caminhada. No caminho haverá um carro de apoio, para transporte de material e atendimento emergencial.

Mais informações e inscrições com 
Nilton Curvelo (niltoncurvelo@yahoo.com
e Lourdinha Curvelo (lourdinhacurvelo@hotmail.com)

Para eventual hospedagem em Taquaritinga do Norte:
GRANDE HOTEL JORGE EDUARDO. Fone: (81)3733-1221. E-mail: ghj.eduardo@yahoo.com.br
VARZEA GRANDE POUSADA. Fone: (81)3733-1419. Site: www.varzeagrandepousada.xpg.com.br
HOTEL FAZENDA TAQUARITINGA. Fone (81) 3733.1236. Site: www.hotelfazendataquaritinga.com.br

Veja também álbum de fotos de caminhada passada.
Assista reportagens sobre a caminhada:
no documentário de Rebeca 2013 aqui
TV Asa Branca 2012 aqui 
e no Globo Comunidade 2010 aqui.
Leia aqui sobre a edição 2012 no Jornal do Commercio.

Mais no blog:

5 comentários:

  1. Otimo Texto , muito bem pensado , muito bem estruturado , realmente maravilhoso . Realmente Bom . de o a 10 . 11

    ResponderExcluir
  2. A espiritualidade do futuro passa por esses caminhos de busca, para além das religiões formais... O jesuíta Roger Lenaers defende que "o paulatino avanço da modernidade, num processo não de décadas, mas que pode durar séculos, vai suplantar as civilizações teístas com sua adoração de um Deus nas alturas (ou vários deles), suplantando portanto também as ainda fortíssimas religiões do mundo (como o islamismo, hinduísmo), da mesma forma como a modernidade atualmente está suplantando o cristianismo. Se essa conjetura estiver correta, o futuro será a-teísta..." (http://www.ihuonline.unisinos.br/index.php?option=com_content&view=article&id=5103&secao=424)
    Quer dizer, esses grupos de caminhada, que juntam pessoas de várias tradições e também de novas convicções filosóficas, estão já ensaiando uma "despedida crente da religião", como imagina o padre Lenaers: não necessariamente ateísta, mas a-teísta...
    Manu.

    ResponderExcluir
  3. sim, é uma atividade que busca experiências espirituais, mas organizada por gente que nem a gente, profissionais, pais e mães de família, que apenas pede a bênção de religiosos, criando um caminho de vivência pros outros sem pedir licença à autoridade e misturando as tradições... tá, nesse sentido, vai para além da religião formal. mas o fato de ser um caminho "de santo amaro" já mostra que é muito religioso, né não? e qual o problema?

    ResponderExcluir
  4. vigi maria, discutem demais! vamos fazer a experiência e depois a gente se fala. vou mandar minha inscrição!

    ResponderExcluir
  5. O prof. Gilbraz disse que só vai acompanhar a caminhada esse ano a partir de Surubim. Quem mais vai do Mestrado? Podíamos organizar um grupo, fazer uma experiência... O prof. disse que a casa dele lá em Taquaritinga tá caindo, mas a gente pode acampar no quintal, kkkkk! Quem topa?

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua participação!