6 de mai de 2013

VELHOS E NOVOS PECADOS


Afinal, o que é e o que não é pecado? Será que existe uma resposta para essa pergunta que seja verdadeira em todos os tempos da história? Ou será que a nossa ideia do pecado muda com o tempo? Revoluções do conhecimento e do pensamento alteraram para sempre o lugar do homem no mundo e no universo. E o novo homem não aceita a culpa dos pecados como o homem medieval. Na contemporaneidade, tudo é subjetivo – até mesmo o pecado.

Neste Café Filosófico, o historiador Leandro Karnal discutiu as muitas faces do pecado. Passando por séculos de história, acompanhamos as transformações teológicas e sociais que mudaram nossa relação com esse conceito tão complexo. Pecado, basicamente, é deixar de amar, pessoal ou socialmente. É um tema recorrente nas tradições religiosas que possuem ênfases éticas e nas culturas por elas informadas. A questão é como atualizar o sentido dessa história e como assumir a pedagogia da culpa para nos perdoar uns aos outros e amar mais...

O Café Filosófico será exibido na TV Cultura, domingo 12, às 22h,
e pode ser assistido ao vivo também aqui na internet.
Mais no blog:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!