12 de set de 2012

CONTRIBUIÇÕES DE COMBLIN NA SEMANA TEOLÓGICA

Uma delegação do nosso Mestrado em Ciências da Religião da UNICAP, composta pelo professor Gilbraz Aragão e os nossos mestres e mestrandos José Sebastião, Paulo Cesar, Valter Avellar e Artur Tavares, está partindo pra UFPB, para participar da Semana Teológica sobre Comblin. Quem dá notícia do evento é Natasha Pitts, jornalista da Adital:

Começa hoje (12) e vai até sexta-feira, a II Semana Teológica Padre José Comblin, com o tema "O legado da Teologia da Libertação e a contribuição de José Comblin". O evento, gratuito e aberto ao público, vai acontecer na Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em João Pessoa, com a intenção de perpetuar as obras e a memória desse expoente da Teologia da Libertação, que morreu aos 88 anos no ano passado, e ficou conhecido como o "profeta da Igreja dos Pobres".

"A primeira Semana Teológica foi realizada após a morte do padre José Comblin [em março de 2011], pois nós queríamos perpetuar sua memória e de outros profetas com a mesma linha de pensamento. Para este ano, nós decidimos realizar uma Semana mais ampla que abordasse temáticas como o pós-Concílio no Nordeste e novos desafios para o Cristianismo", explicou João Fragoso, integrante do Grupo Kairós, responsável pela Semana Teológica.

(...) O integrante do Grupo Kairós acrescenta ainda que a II Semana Teológica quer deixar uma contribuição concreta para os/as participantes, no sentido de fazê-los acordar. "Este evento quer ajudar a despertar uma consciência de que o povo é sujeito de sua história e que as mudanças almejadas têm que vir por meio de nós. Não podemos esperar mais que estas transformações venham com as atitudes das autoridades. Já passamos deste tempo de esperar", ressalta.

São esperados alunos e professores da universidade, atores sociais comprometidos com os movimentos populares e grupos de outras denominações religiosas também comprometidas com estes movimentos. (...) A programação acontecerá no Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) da UFPB. As conferências serão realizadas sempre das 19 às 21h, no auditório 411. A conferência que abre a II Semana é "O pós-Concílio no Nordeste: a contribuição da Teologia da Enxada, na perspectiva da missão e da libertação", com a participação do professor Eduardo Hoornaert (UFBA) e dos debatedores Mônica Muggler e Pastor Luciano.

Na quinta-feira, a programação inicia às 8h com três oficinas de teologia: "Memória das experiências da Igreja na Base no Nordeste"; "Teologia testemunhal no Nordeste: novos desafios, novos sujeitos"; e "Novos desafios para o Cristianismo: a contribuição de Pe. José Comblin". À noite, a conferência tem como tema "A Teologia da Libertação numa perspectiva ameríndia". Estarão presentes o professor Agenor Brighenti (PUC/PR) e os debatedores Ermanno Allegri, diretor da Agência de Informação Frei Tito para América Latina, e Josenildo Francisco de Lima.

João Fragoso aponta que as oficinas estão entre os momentos mais importantes da programação. "Acredito que as oficinas vão gerar um material muito bom, pois com a participação de movimentos populares, CEBs, pastorais, será possível ver quais são as verdadeiras experiências do Nordeste", diz. No último dia, haverá pela manhã a plenária das três oficinas. À tarde acontece o Encontro dos Jovens Teólogos do Nordeste e pela noite o evento encerra com a conferência "Por uma Teologia testemunhal a serviço da humanidade", que terá a participação do professor Luiz Carlos Susin (PUC/RS) e dos debatedores João Batista Magalhães e Irmã Conceição.

O evento está sendo promovido pelo Grupo Kairós - Nós Também Somos Igreja e apoiado pelo Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos da UFPB; Igreja dos Pobres; Pastoral Presbiteral; Livraria Paulinas e Adital. Para mais informações sobre o evento, ligue para (83) 3241-5636.

Mais no blog:
Quem é José Comblin
Excursão ao pensamento de Comblin
Biblioteca de Comblin na Unicap

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!