7 de mar de 2012

MÃE E FILHA, MORTE E VIDA




Poucas coisas são tão complicadas de serem rompidas quanto tradições. Elas podem ser negadas, desprezadas e até adormecidas, mas dificilmente serão esquecidas. Haverá sempre alguém para contar a história e passá-la adiante. O longa-metragem Mãe e filha, do cineasta cearense Petrus Cariry, em cartaz no Cinema da Fundação, é um exemplo disso. Seu enredo conta a história de uma filha que retorna a sua cidade natal, a fúnebre Cococi, para que a mãe batize o neto natimorto. Enquanto a mãe, Laura (Zezita Matos), que vive sozinha em uma cidade fantasma, após ser abandonada pelo marido, representa a tradição; a filha, Fátima (Juliana Carvalho), que foi viver em Fortaleza, é a tentativa de quebra. Durante todo o filme esse embate entre costumes e modernidade está presente – no empenho da filha em levar a mãe com ela para capital; na vontade da mãe de que a filha permaneça; na lembrança do marido ausente estampada em fotografias pela casa; nas mesas postas; nas orações pela criança morta, que passaria as crenças e os hábitos para as gerações futuras...

Continue lendo a crítica "Vida e morte: quem for louco, que volte", de Ingrid Melo,
aqui na Revista Continente.

Veja no Recife o filme "Mãe e filha" no Cinema da Fundação:
16h10 (sáb e dom), 18h25 (ter, qua e sex), 20h50 (qui).

Veja também no blog mais comentários de cinema: Jardim das folhas sagradas, Filme dos Espíritos, Santo cinema, Homens e Deuses, Jesus no cinema, Nosso lar, Aparecida, A Partida, O Ritual, Avatar, Jesus de Montreal, Inteligência Artificial, Asas do Desejo, Ponto de Mutação, L'Origine du christianisme

2 comentários:

  1. Olá, Gorete.

    Parabéns pelo blog. Grande inciativa.

    Por favor, você poderia me informar quando começará as inscrições para o seminário René Girad, e qual o valor valor de inscrição.

    Muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. as inscrições são gratuitas e estão abertas... mais informações aqui: http://crunicap.blogspot.com/2012/02/girard-na-unicap.html

      Excluir

Obrigado pela sua participação!